Guiricema, 14 de dezembro de 2019

Prefeito Ari Lucas vai a BH para buscar alternativas para a Escola Estadual Coronel Luiz Coutinho

11 de novembro de 2019

A educação é uma das mais importantes bandeiras da administração municipal, por isso, o prefeito Ari Lucas esteve pessoalmente em Belo Horizonte na última sexta-feira, 08/11, para buscar alternativas para a Escola Estadual Coronel Luiz Coutinho, durante uma audiência com a Subsecretária de Articulação Educacional, Patrícia Sá Freitas.

O que motivou a ida do prefeito a capital, foi a preocupação com a decisão do Estado de implementar uma política pública de priorização do ensino médio, que segundo informações repassadas à prefeitura, é de cunho irreversível, amparada pela Lei de Diretrizes Básicas da Educação (LDB) e que prevê a atuação do estado, no âmbito do ensino fundamental, limitada em localidades onde não existam escolas municipais.

Como Guiricema não se enquadra nessa exceção, a informação é de que não existe a possibilidade de o Estado manter a Escola Coronel Luiz Coutinho em funcionamento, sendo a única alternativa para o seu não fechamento a municipalização.

Vale lembrar que, diferente de outros municípios, a escola trabalha exclusivamente com alunos das séries iniciais do Ensino Fundamental (até o quinto ano).

Diante do impasse provocado pela decisão do governo estadual e sem qualquer consulta aos governos municipais, a prefeitura de Guiricema vem buscando alternativas para resolver a situação. Uma delas, é o município assumir a gestão da Escola Estadual Coronel Luiz Coutinho em processo de municipalização, mantendo a escola funcionando.

A situação vem sido analisada e discutida por várias esferas e por especialistas com muito carinho, para tentar buscar uma melhor alternativa para os nossos alunos. Vale destacar que a Rede Municipal de Ensino de Guiricema é a melhor avaliada pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), pontuando 6.6 na avaliação, enquanto a rede estadual do município obteve nota 6.4 – o que demostra que os alunos acolhidos terão acesso a um ensino de qualidade, sem qualquer prejuízo.

A Prefeitura lamenta que alguns vereadores, mesmo cientes que a decisão é estadual, agindo por má fé e baseado por interesses próprios, vem tentando imputar à administração municipal uma responsabilidade que não possui, com o intuito de ludibriar a população.

“Essa é uma situação muito difícil e delicada que vem sendo analisada com muito cuidado, para gerar o menor impacto possível aos nossos alunos, professores e funcionários. Lamento profundamente que, ao invés de alguns vereadores unirem forças conosco em Belo Horizonte, ficam levantando inverdades sobre os fatos. Estarei, assim como todos os dias, a disposição dos vereadores e da população para tratar do assunto no gabinete na Prefeitura Municipal, local onde diariamente exerço minhas atribuições. Vamos buscar uma solução juntos, com muita união, em prol da nossa educação”, destacou o prefeito Ari Lucas.

 



11 de novembro de 2019 - 12:35

Data da Última Modificação: 11 de novembro de 2019 - 12:35

Comments are closed.